quinta-feira, 30 de abril de 2009

Álbum: Paquitas

O álbum "Paquitas" foi lançado no início de setembro de 1989 pelo selo Xuxa Discos, após ser adiado algumas vezes. No seu lançamento, a música "Fada Madrinha (É tão bom)" já estava estourada e era uma das mais tocadas nas rádios do país. Outras músicas de destaque do álbum foram "Alegres Paquitas", que era a música de abertura do disco e apresentava o grupo, e "Playback", cantada apenas por Tatiana Maranhão que logo se tornou música de trabalho e teve grande êxito. Praticamente todas as faixas eram destinadas ao público adolescente feminino por ter letras de namoro adolescente como "Broto Legal" e "Um ano sem você", e algumas de letras bem engraçadas com um humor bem despretensioso como "Bate na Madeira" e "Ei Dona". O álbum também contou com a regravação de antigas músicas já consagradas dos anos 60, que compunham o pout-pourri "Estúpido Cupido" - "Lacinhos Cor de Rosa" - "Banho de Lua". A música "Sorvetão" era uma homenagem à Paquita mais popular da época, Andréia Faria. Apesar de cantar apenas uma música solo, Tatiana Maranhão se destacou no álbum e foi considerada a mais afinada. Letícia Spiller também cantou em várias faixas e também foi um dos destaques, ao lado de Anna Paula Almeida. Na capa aparecem apenas as Paquitas Andréia Faria, Letícia Spiller, Tatiana Maranhão e Anna Paula Almeida. Na contracapa aparecem as demais Roberta Cipriani, Cátia Paganote e Priscilla Couto (curiosamente as três que se juntaram e fazem shows até hoje). O álbum vendeu cerca de 800 mil cópias e teve grande sucesso de público.


Informações gerais:

Lançamento: Setembro de 1989
Formato: LP, K7, CD (tiragem limitada)
Vendagem: aprox. 800 mil cópias
Certificação: platina duplo

Músicas

Músicas de trabalho (singles): Fada Madrinha (É tão bom), Alegres Paquitas, Playback, Ei Dona, Um ano sem você.

Músicas "obscuras": Marciano, Oh Lua

Curiosidade: Após a saída de Andréia Faria, nas apresentações no programa e shows, a música "É tão bom" foi remixada e o vocal de Andréia foi substituído pelo de Letícia Spiller. As outras músicas permaneceram com os vocais de Andréia e Roberta Cipriani passou a "dubla-la" nas apresentações

Repercussão: A música "Fada Madrinha" teve grande sucesso mas as demais não tiveram grande desempenho. O solo de Tatiana Maranhão em "Playback" também foi bem aceito pelo público. A música "Um ano sem você" também fez relativo sucesso e fez parte da trilha do filme "Sonho de Verão".
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...