sábado, 27 de fevereiro de 2010

Paradão dos Baixinhos em vídeo: Casseta e Planeta

Veja a participação do grupo "Casseta e Planeta" cantando no "Paradão dos Baixinhos" em março de 1990. Leia mais sobre a participação clicando aqui

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Louise 1986/2006

Trajetória de Louise Wischermann nos programas de Xuxa após sua saída

Após sair do "Xou da Xuxa" e abandonar o posto de Pituxa - ocupado por Letícia Spiller -, Louise participou do "Xou" algumas vezes como no aniversário de 26 anos de Xuxa, logo após sua saída, quando deu um depoimento emocionado. Louise também participaria do programa um ano depois no aniversário de 27 anos da apresentadora.

Louise foi a única das ex-Paquitas que não participou do último "Xou da Xuxa", pois na época já havia se mudado para a Alemanha. Em 1994, ela apresentou durante algumas semanas o quadro "Agendinha", do Xuxa Park.

Em 1995, Louise apareceu ao lado de várias ex-Paquitas no palco do "Xuxa Park". Louise também não pode comparecer no especial de 10 anos mas fez uma marcante participação no "Xuxa 12 anos", em novembro de 1998, quando dividiu a apresentação com Xuxa. Em 2001, Xuxa mostrou no "Planeta" algumas imagens de um filme que Louise havia participado na Alemanha. Ela reapareceu pela última vez ao lado de Xuxa no especial "Xuxa 20 anos", se mostrando uma das ex-Paquitas mais emocionadas na ocasião.


Louise Wischermann foi relembrada no quadro "Memória X", no "TV Xuxa" em dezembro de 2009. Além de imagens da época do "Xou", foram mostradas imagens atuais dela apresentando um programa, "This is Hollywood".

Perfil: Louise Wischermann


Louise Wischermann entrou no "Xou da Xuxa", como Pituxa, em julho de 1986. Ela aparece logo no 1º programa já sendo chamada por Xuxa de Pituxa, mas ainda sem roupa de Paquita. Ela foi descoberta por Xuxa que, na época da estréia do "Xou", morou no mesmo prédio em que Louise. Em entrevista para o "Sem Censura", em 1988, Louise revela que nunca havia assistido ao programa de Xuxa na Manchete e que não sabia o que era uma Paquita, mas aceitou o convite de Xuxa e Marlene. Após duas semanas de teste, ela conseguiu o posto de Pituxa, compondo o trio de Paquitas da 1ª fase, ao lado de Andréa e Andréa Faria.

Louise sempre manteve uma postura séria e um pouco tímida, sendo uma das mais caladas entre as meninas. Além disso, Louise era a mais velha e, após a saída de Andréa Veiga, se tornou a líder do grupo e a responsável por passar instruções para as outras meninas.


"Pituxa" logo recebeu o apelido de Paquita-alemã, por ser descendente de alemães. Além disso, foi apelidade de "oinc oinc" por ser considerada por Xuxa a Paquita mais desengonçada e "porquinha", por sempre estar com a roupa torta e suja.

Em março de 1989, Louise deixou o posto de Pituxa, ao lado de Ana Paula Catu, pois ambas foram convidadas para apresentar um programa de videoclipes em um canal local.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

A fé remove grilinhos!

Vídeo Exclusivo: Aniversário de Louise Wischermann no Xou da Xuxa

Linha do Tempo: Aniversário de Louise Wischermann no Xou da Xuxa (25/02/1989)

No dia 25 de fevereiro de 1989, em um "Paradão dos Baixinhos", Xuxa comemorou o aniversário da sua então Paquita Louise Wischermann, a 1ª Pituxa. A apresentadora leu em sua ficha uma homenagem de Marlene e toda equipe do programa. Emocionadas, as duas se abraçam:

Enquanto estão abraçadas, Andréa Faria e Ana Paula Catu sobem no "queijo" com um bolo, surpreendendo Louise. As 3 Paquitas se abraçam emocionadas e chorando.

Xuxa deseja saúde e diz que espera que ela continue, dando a entender que era um pedido para que Louise permanecesse trabalhando no "Xou", já que sua saída já estava quase certa.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Xuxa e seu senso de humor sarcástico - Vídeo 3

Xou da Xuxa/Fevereiro de 1989 - "Eu não vou cantar não!!"

Xuxa e seu senso de humor sarcástico - Vídeo 2

Xou da Xuxa/Janeiro de 1989: " 'Cê' tá sofrendo?"

Xuxa e seu senso de humor sarcástico - Vídeo 1

Uma das características mais marcantes e que mais chamavam atenção em Xuxa, quando apresentava programas infantis, era o seu senso de humor sarcástico. Por sempre tratar seus baixinhos de igual pra igual, com naturalidade e espontaneidade, Xuxa não poupava comentários e brincadeiras ácidos e sarcásticos, algo que as apresentadores infantis concorretes não faziam - e hoje em dia sem dúvida rende boas risadas para quem revê. A partir de agora, veja alguns vídeos curtos desses momentos curiosos e bem engraçados.

Xou da Xuxa/Setembro de 1987- "Passa Longe"

domingo, 21 de fevereiro de 2010

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Que bom que você está ligado em mim!

Analisando o Xou da Xuxa p.2

A partir daí, todos os blocos são encerrados com a música "Beijinho Beijinho", a música de trabalho daquela época, lançada no "Karaokê da Xuxa". São feitas várias brincadeiras no decorrer do programa, entre elas "Stop" e "É, não e porque".
Uma das brincadeiras mais curiosas desse programa, e que se repetiria poucas vezes, durou quase um bloco inteiro e foi bem cansativa - pelo menos quando vista hoje em dia. Xuxa chama TODAS as crianças que estavam no palco para ficarem de pé feito estátuas - daí o nome, "pique-estátua". Só saía da brincadeira quem se mexesse e não resistisse às gracinhas que Xuxa fazia com as crianças, uma a uma. Depois de mais de 5 minutos, Xuxa pediu a ajuda das Paquitas e resolveu premiar as várias crianças que conseguiram permanecer imóveis.


A ginástica naquela época era exibida aos sábados no anti-penultimo bloco e praticamente idêntica, do começo ao fim, do que seria posteriormente - quando passaria a ser feita as segundas, no 2º bloco. O mais engraçado nesse dia foi a carismática baixinha Amanda, que o tempo todo tomava o microfone de Xuxa para dar seu "alô Terezinha", imitando o Chacrinha, e fazendo com que a Paquita Andrea Veiga tivesse que conte-la toda hora.


No penultimo bloco, o grupo de pagode Fundo de Quintal fez sua participação como convidado muscial. O cenário dessa fase proporcionava maior liberdade pra Xuxa e também para as crianças que podiam circular livremente pelo cenário, formando um trenzinho, enquanto a música rolava - assim como acontecia no "Clube da Criança".


No último bloco, Xuxa tradicionalmente anunciava o encerramento do "Xou" ao som de "Fé Brasileira" do Chiclete com Banana e cantava a segunda estrofe de "Rexeita da Xuxa", antes de subir na nave - como característico nessa 2ª fase. Sem os sorteios, o programa teve 1 hora e 6 minutos.

Assistente de Mágico

Analisando o Xou da Xuxa p.1

O "Xou da Xuxa" dessas imagens foi exibido em janeiro de 1988 e essa gravação monocromática circula entre os fãs no "Mercado Negro". O programa foi exibido num sábado, quando o quadro "Paradão dos Baixinhos" ainda não existia e dava lugar para a ginástica e a atração circense, que na época aconteciam apenas aos sábados, além das tradicionais brincadeiras. Como é característico da 2ª fase do "Xou", após "Amiguinha Xuxa", a apresentadora dava seu bom dia ao som de "Festa do Estica e Puxa", cantava as músicas "Parabéns da Xuxa" e "Rexeita da Xuxa".

No 2º bloco aconteceu a apresentação circense, que na ocasião foi engraçada e curiosa: além de Xuxa ter servido de assistente, fazendo caras e bocas, o mágico da vez pegou um pote cheio de doce, comeu algumas colheradas e serviu para Xuxa. Com uma cara de espanto, Xuxa recusa e aponta com a cabeça para o Praga. Então o mágico serve Praga com o suposto doce, além de oferecer para a Paquita, que comeu também.

De repente, Praga aparece com a boca cheia do doce que lhe foi servido, como se fosse cuspir. Xuxa não contém o riso e bate nas costas do anão. Em um momento non-sense, Xuxa pede para que ele deite-se no chão, salpica o suposto doce e coloca vários adereços trazidos pelo mágico sobre ele, dizendo que era um bolo de aniversário.

No bloco seguinte, Xuxa fala sobre seus discos já lançados até então e anuncia novidades do seu novo disco para o mês de março. Em seguida, canta na íntegra a música "O Circo", e repete a música mais uma vez para encerrar o bloco. O mais curioso nessa parte é quando Andrea Veiga, enquanto virava uma estrela - que fazia parte da coreografia - acerta sem querer com o pé na paquitinha Monique, como mostra as caps abaixo.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

O cigarro nos separa mais cedo!

Vídeo exclusivo: Eu não entendi o que ela falou...

Vídeo onde Xuxa se atrapalha ao passar sua mensagem de ano novo e, ao ver que se expressou mal, promete explicar mais tarde! Este vídeo é um trecho de um "Xou da Xuxa" exibido em janeiro de 1988.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Xuxa e Mallandro dividindo a apresentação!

Muito antes de ser contratado da Globo, substituir Xuxa nas férias do "Xou" e dividir a apresentação com a loira no "Paradão dos Baixinhos", Sergio Mallandro, em dezembro de 1988, participa do programa de Xuxa como convidado musical e divide a apresentação com ela pela primeira vez. Na ocasião, Xuxa convida Sérgio para apresentar o programa com ela e mudar de emissora. Sérgio, animado, ergue os braços para o alto e diz: "Obrigado senhor, tô na Globo". Porém, a troca de emissora só ocorreria em 1990.

Sérgio Mallandro veste o chapéu de paquita e imita Xuxa; pela primeira vez solta o bordão "Paradão dos Nanicos", que mais tarde seria frequente em suas apariações no "Paradão", rouba a ficha do programa e anuncia o "Beijo do Coração"(fazendo referência ao "Recado do Coração"). Xuxa convida-o para encerrar o programa subindo em seu disco voador, dizendo que não sabia quando essa cena poderia se repetir novamente. Pela primeira vez os dois sobem na nave juntos - cena que se repetiria muitas vezes no ano de 1991.


Vídeo exclusivo: A revelação do cantor mascarado

A revelação do cantor mascarado

Xuxa pergunta ao cantor mascarado se a caveira que ele segurava seria de alguém que queria ser presidente (se referindo a Silvio Santos que se candidatou naquela época). Após Xuxa nominar a caveira como "S.S." e o cantor revelar que realmente se trata do "homem do baú" e dizer que ele ficaria como a caveira quando o visse em outra emissora, ele tira a máscara e revela sua identidade:

Após tirar o disfarce, Sergio Mallandro canta a música "Um capeta em forma de Guri (?)" ao lado de Xuxa, que o acompanha em uma dança frenética, além subir em cima do cantor e depois fazer ginástica olímpica.


Xuxa se demonstra muito animada com a participação de Sergio, pela primeira vez, no palco do "Xou da Xuxa". Uma ousadia muito grande na época, já que Sergio Mallandro tinha seu programa no SBT, "Oradukapeta", que disputava audiência com o "Xou" pois eram exibidos no mesmo horário - com a diferença que o programa de Sérgio acabava mais cedo. Por conta disso, na ocasião ele participou no último bloco, quando provavelmente seu programa já teria terminado.


quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Vídeo exclusivo: O cantor mascarado

O cantor mascarado!


Xou da Xuxa
, Dezembro de 1988: Xuxa anuncia a participação de um cantor mascarado e o chama até o palco. Cheio de mistério e com uma risada maquiavélica, ele vem até o palco coberto com uma capa preta e segurando uma caveira. Xuxa insiste para que ele se revele e questiona o porque do cantor estar disfarçado. Ele responde dizendo que é porque é contratado de outra emissora. Mesmo antes de se revelar, fica muito fácil para o público saber de quem se trata, pela fala e trejeitos. Xuxa também questiona sobre a caveira que ele segura, e o cantor mascarado diz se tratar de seu patrão, dizendo que vai ficar igual a ela quando ve-lo no palco do "Xou", em outra emissora. Alguém já sabe de quem se trata?

Quem será o cantor mascarado?

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Álbum: Carnaval dos Baixinhos



"Carnaval dos Baixinhos" foi o 1º álbum lançado em LP e K7 pelo selo "Xuxa Discos", da RGE, em dezembro de 1988. O disco temático foi lançado especialmente para o carnaval de 1989 e tinha o repertório composto não só por músicas da Xuxa mas de vários outros artistas nacionais que participavam do programa na época como Atchim & Espirro, Abelhudos e Chiclete com Banana. As músicas foram regravadas em ritmo de carnaval, todas cantadas por um coro basicamente infantil e mixadas continuamente, sem pausa, em uma única faixa de cada lado do disco. O álbum mescla desde músicas mais infantis como "Circo da Alegria" e "Dança da Xuxa" como músicas de rock nacional e axé como "Pelado" e "Madagascar Olodum". As faixas do álbum passaram a ser bastante executadas no programa, a partir da época do seu lançamento, sobretudo nos programas próximos às datas de ano novo e carnaval. A arte de capa, assinada por Reinaldo Waisman, tem um casal de crianças nuas, de costas, ao meio de confetes e serpentinas desenhadas, bem como seus únicos vestimenos (uma calcinha fio-dental e uma folha de parreira).


Lado A
(19m23s):
Ilariê (Xuxa)
Dança da Xuxa (Xuxa)
Iô-Iô (Trem da Alegria)
Thundercats (Trem da Alegria)
Rambo (Xuxa)
Piuí Abacaxi (Trem da Alegria)
Cascão (Turma da Mônica)
O Gato-to (Abelhudos)
Brincar de Índio (Xuxa)
Dia de Paraíso (Abelhudos)
Roda, Roda Pião (Nova Turma do Balão Mágico)
Surfin' USA'' - Surf é o que eu sei (Juba e Lula)
Pego um Martelo (Gabriela)


Lado B
(20m25s)
Festa do Estica e Puxa (Xuxa)
Turma da Xuxa (Xuxa)
Pique-Pega, Pique-Esconde (Trem da Alegria)
Doce Mel (Xuxa)
Orquestra dos Bichos (Trem da Alegria)
As Crianças e os Animais (Abelhudos)
King Kong e o seu Konguinho (Atchim & Espirro)
Circo da Alegria (Atchim & Espirro)
Super-Heróis Brasileiros (Os Trapalhões)
Madagascar Olodum (Reflexu's)
Fé Brasileira (Chiclete com Banana)
Gritos de Guerra (Chiclete com Banana)
Rexeita da Xuxa (Xuxa)
A Dança do King Kong (Atchim & Espirro)
Pelado (Ultraje a Rigor)

Xou da Xuxa de Carnaval (1990)

No programa de carnaval de 1990, ainda no cenário da 4ª fase, Xuxa protagonizou um dos momentos mais engraçados e memoráveis do "Xou da Xuxa". Caracterizada de bailarina, a apresentadora desceu da nave ao som de uma valsa:


Xuxa arriscou uns passinhos de ballet clássico ao lado do Dengue e, ao receber o microfone, soltou a franga esbanjando felicidade.


O programa especial contou com participações de escolas de samba cantando seu samba-enredo e provavelmente foi exibido no dia 27 de fevereiro, data em que o carnaval foi comemorado naquele ano. No Youtube há alguns trechos desse "Xou":

É carnaval no Xou da Xuxa!

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Ilairi-lari-ê! ô-ô-ô

Xuxa, Mara e Angélica desfilando na Beija-Flor em 1992

Além de ser homenageada e desfilar pela Unidos do Cabuçu, no carnaval de 1992 Xuxa saiu no carro infantil da escola de samba Beija-Flor, ao lado das apresentadoras Angélica e Mara Maravilha, além das Paquitas e dos Paquitos.

Declaradas como rivais pela mídia, o trio de apresentadoras infantis mais populares da época chamou atenção ao desfilarem juntas e deixaram ser fotografadas juntas em clima de harmonia.

Abaixo, um vídeo do desfile:

Xuxa, o sonho vira realidade no xou da Cabuçu (Letra)

Enredo: Xuxa, o sonho vira realidade no "Xou da Cabuçu"
Compositores: João Ferreira, Orlando Negão, Sereno e Robertinho da Matriz

Era uma vez, uma história deslumbrante
Um mágico universo de ternura
Contagiou este sonho colossal
Era prenúncio de alegria geral
Lirismo que embala a ilusão
Onde cabelos dourados
Voavam na brisa da imaginação
Na viagem encantada
Numa poça azulada, encontrou
O Dragão do Xuxexo e o Rei do Glamour
Botos cor-de-rosa, moderninhos
No império dos baixinhos


Sem essa de baixo astral
A vida é um doce, a lua é de cristal (bis)
A Cabuxu é um planeta triunfal
Ilariê, Ilariê no carnaval


Com um turbilhão de cores
A Cabuçu vem mostrar
A trajetória desse mito popular
Voando em sua nave de ilusões
A Xuxa alegra a milhões de corações
Para os baixinhos e altinhos
Ela canta com eterna emoção


A Rainha e sua corte no carnaval (bis)
Beijinhos, beijinhos, tchau, tchau, tchau

Matéria: Para Altinhos e Baixinhos

Jornal: O Globo

Data: 23/2/1992
Autor: Marcos Salles

Confira abaixo a reedição da matéria que fala sobre a homenagem que a escola de samba Unidos do Cabuçu fez à Xuxa em 1992

Por volta das 4h30m do próximo domingo, a Unidos do Cabuçu entrará no sambódromo com três mil componentes, tentando reconquistar espaço no Grupo Especial. Para isso, vai à avenida com o enredo "A realidade vira sonho no xou da Cabuxu", assinado pelos carnavalescos Paulo Afonso de Lima e Mara Alves, numa homenagem à apresentadora Maria das Graças Meneghel. a Xuxa.



Vivendo pela segunda vez a emoção de ser tema de enredo - a primeira foi em 1989, no bloco Unidos do Cabral, que desfilou na Rio Branco com "A festa da Xuxa, rainha dos baixinhos" - a lourinha gaúcha estreou no carnaval carioca em 87 com a Beija-Flor, em que volta a desfilar este ano, no carro infantil.

Na infância, em Santa Rosa, Xuxa se acostumou a vencer os concursos de fantasia dos clubes locais, com trajes feitos por sua mãe, dona Alda.


E, na única vez em que ficou com o segundo lugar, não fez por menos: abriu o berreiro! Aos 13 anos, já morando no Rio, foi, por três carnavais consecutivos, rainha do Iate Clube de Coroa Grande, dizendo ter os 16 anos de idade exigidos pelo regulamento.

Desta vez, ao receber o convite de Teresinha Monte, presidente da Cabuçu, Xuxa aceitou sem titubear:
- Logo comecei a viajar no enredo e achei genial, pois justamente o que idealizei foi o mesmo que a escola pensou e, entre as minhas sugestões, pedi que a palavra "ilariê" estivesse no samba-enredo e que as baianas viessem vestidas de doce, representando o doce da vida - conta.

Os artistas já confirmados nos carros alegóricos são: Flávio Silvino, Angel (Branca de Neve), Andréa Veiga (Cinde-rela), Dengue e Praga no carro abre-alas, "Histórias infantis"; Guilherme Karam (Baixo Astral) com 20 crianças no quarto carro, "Câmera do xuxexo, a carreira no cinema e na TV"; e a própria Xuxa, é claro, com mais 30 crianças - entre elas os cantores Alessandra e Patrick - no quinto e último carro, o "Palácio de cristal".

Nas 24 alas da escola,, já garantiram presença: Ângela Leal, na diretoria; Betty Erthal, tocando tamborim na bateria, que tem como madrinha Marinara Costa, mulher de Fernando Vannucci; dona Alda, mãe de Xuxa, na ala Terra Mãe, das baianas; Eri Johnson, Sandra de Sá, Antônio Pitanga, Giovanna Gold, Thiago Justino, Jalusa Barcelos, Pedro Vasconcelos, Tereza Sieblitz, Elizabeth Gasper e o jogador Gaúcho na ala Flash; Roberta e Mariana, as Irmãs Metralha do "Xou da Xuxa", estarão à frente da ala com o nome da dupla, assim como as Paquitas na sua, com os Paquitos atrás; e, também integrante do "Xou", a jovem Tami, na ala Boto Cor-de-Rosa, comandará 80 crianças deficientes auditivas, que interpretarão o samba através de gestos, atendendo a um pedido especial de Xuxa.


Xuxa homenageada pela "Unidos do Cabuçú" (1992)

Por Jamur

Antes de ser homenageada pela escola de samba "Caprichosos de Pilares" no carnaval de 2004, Xuxa foi homenageada pela escola de samba "Unidos do Cabuçú" em 1992, que na época fazia parte do "Grupo de Acesso" do carnaval carioca. Tal como em 2004, ela ficou bastante lisonjeada com a honra de ver a sua história sendo transformada em samba-enredo e trouxe a escola, pelo menos, em duas oportunidades em seus programas. Ainda em 1991, compareceram no Xou da Xuxa a presidente da agremiação, juntamente com parte dos componentes da escola. Na ocasião, Xuxa ouviu pela primeira vez o samba-enredo:


A escola de samba também esteve no especial do El Show de Xuxa de Ano Novo:



No desfile, Xuxa saiu no último carro, intitulado "Palácio de Cristal":


Com o enredo "Xuxa, a Realidade Vira Sonho no Xou da Cabuçu", a escola ficou em 8° lugar entre as escolas do "Grupo de Acesso", também chamado de "Grupo A". Com essa classificação, a escola nem subiu para o "Grupo Especial", nem foi rebaixada para o "Grupo B".

domingo, 14 de fevereiro de 2010

Vídeo Exclusivo: Paquitos e Paquitas sambando no palco do Xou da Xuxa

Xuxa convoca Paquitos e Paquitas para sambarem no palco do programa ao som do samba-enredo da Beija-Flor, escola na qual desfilaram naquele ano. No vídeo, Xuxa apelida Priscilla Couto de "Sebastiana":


Vídeos Exclusivos: Paquitas desfilando no palco do Xou da Xuxa

Xuxa pede para as Paquitas desfilarem no palco do "Xou da Xuxa", em fevereiro de 1990, para irem se aquecendo para o desfile da Beija-Flor:



Paquitas e Paquitos no carnaval 1990

No carnaval de 1990, as Paquitas e os Paquitos, que estavam no auge, foram convidados para desfilar em um dos carros da Beija-Flor e acabaram sendo o destaque da escola de samba naquele ano.

No palco do "Xou", as meninas sempre eram convocadas por Xuxa para sambarem ao som do samba-enredo da Beija-Flor pra já irem se aquecendo para o desfile.

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Vídeo Exclusivo: Xuxa e as Paquitas desfilando na Beija Flor em 1989

Vídeo Exclusivo: Xuxa desfilando na Tradição em 1989

Xuxa no Carnaval 1989



No carnaval de 1989, Xuxa desfilou no carnaval carioca em dois dias consecutivos. No 1º dia, Xuxa desfilou sozinha na escola de samba Tradição, em um carro feito especialmente para ela com um X desenhado:


No dia seguinte, Xuxa chamou mais atenção ainda ao desfilar para a Beija Flor, dessa vez acompanhada das Paquitas e do Dengue.

Após ser entrevistada pela TV Globo, a turma subiu em um carro intitulado "Carro dos Brinquedos", idealizado por Joãozinho Trinta e o qual tinha vários elementos do cenário de 89 do "Xou da Xuxa".


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...