segunda-feira, 10 de maio de 2010

Matéria: SUPER XUXA ENFRENTA O BAIXO ASTRAL

Confira uma matéria do jornal Folha de São Paulo sobre o descontentamento de Xuxa com o seu programa em 1991:

Jornal: Folha de S. Paulo
Data: 22/9/1991
Repórter: Luís Antônio Giron

SUPER XUXA ENFRENTA O BAIXO ASTRAL

Ela tem 19 milhões de dólares e um dilema: ama o trabalho que a impede de achar um pa para seus filhos



Xuxa, a mágica da imagem, não suporta mais se ver. Outro dia, acordou de mau humor e ligou a TV. No "Xou da Xuxa''. ''Quando vi toda aquela alegria que eu passava, pensei: será que alguém pode acreditar naquilo?''.

Xuxa dá show de choro. Chora em entrevistas, chora nos camarins, em casa. Deu para ter sentimentos adolescentes. Apareceu numa lista da revista norte-americana ''Forbes'' como a 37 a maior fortuna do show-bussiness em todo o mundo. ''Sabe o que eu pensei? Com essa lista, vai ser mais difícil ainda eu arrumar um namorado e ter filhos, de preferência gêmeos".

Às vezes, a crise se anuncia grave. ''Estou num momento de mudança'', diz numa entrevista exclusiva à Folha, concedida anteontem pouco antes de entrar em cena no Olympia. ''Todas essas coisas que eu leio em jornal, que posso ver e ouvir em telejornal. Como a vida está ruim para todo mundo e só eu tentando passar alegria para os outros. Até quando vou conseguir?''

A torcida para que ela agüente é forte. Seis empresas com 300 empregados, uma fundação beneficente com 52 funcionários, uma centena de empresas licenciadas que vendem de pranchas de surfe a cabides com seu nome, a Rede Globo, dona dos direitos do programa diário "Xou da Xuxa", 15 emissoras estrangeiras que transmitem seu programa ''El Show de Xuxa'', em castelhano e futuros candidatos à riqueza certa.

Todos dependem dela e temem pelo que vai decidir, talvez semana que vem, talvez hoje, mesmo no Olympia depois do último show de estréia de sua terceira turnê pelo Brasil.

Têm pelo que temer. A 37ª fortuna mundial do show-business - US$ 19 milhões (Cr$ 9 bilhões) segundo a lista publicada pela ''Forbes'' é apenas uma pequena parte dos interesses econômicos envolvidos nos singelos sonhos da apresentadora.

Xuxa não é dona de sua vida, embora agora pense nisso. Há duas semanas, sua empresária, Marlene Mattos, 40, apresentou-lhe, como costuma fazer, a agenda para o ano que vem: além do trabalho atual, a agenda previa um programa em inglês em Los Angeles, novos contratos, novas turnês. A nova Xuxa reagiu com uma ironia que fez Marlene suar frio: ''Escuta,Marlene, essa agenda prevê um tempo para eu namorar e ter filhos?''.

O último namorado, o piloto Ayrton Senna, foi-se há um ano. Não deixou boas lembranças na troupe que cerca a apresentadora. ''O Beco (apelido de Senna) era pão-duro. Quando eles saíam juntos e compravam um picolé, quem pagava era a Xuxa'', diz Marta Azevedo, 45, produtora da estrela.

Marta se realiza com o que Xuxa não suporta mais. Gosta de vê-la seguindo a rotina de trabalho que a afastou do namorado mão-de-vaca. Xuxa dorme às 2h, acorda às 10h. Terça e quarta grava o programa para a Globo, no teatro Fênix. Quinta viaja para Buenos Aires, onde grava ''El Show de Xuxa" na emissora argentina Telefe. O fim-de-semana é para os shows da turnê de lançamento do disco "Xuxa 6'', que, em uma semana, já vendeu um milhão de cópias.

Só lhe sobram as segundas-feiras, que passa nó seu sítio em Campo Grande, zona rural do Rio, onde se diverte com uma dezena de cães, uma arara e um macaco que mora num chalé como se fosse gente. Quando pode, estoura pipocas e assiste filmes de terror no videocassete. Na solidão, dá vazão a sua crise.

Xuxa deu para ler jornais, se preocupar com o mundo. Sente vergonha no Brasil da corrupção e da falta de respeito pela vida humana: ''Aqui é muita gente falando em defender a natureza e proteger as crianças e ninguém fazendo. As pessoas só ficam indignadas, como se não acontecessem com elas. Isso acontece na minha vida no meu dia-a-dia. As crianças continuam sem escola, sem médico, as pessoas sem as respeitarem quando elas chegam a um hospital''.

A empresária de Xuxa se assusta com essas coisas. Marlene Mattos prefere vender uma versão mais ''feminina'' da crise. Ela acha que Xuxa vai viver, daqui a dois anos, quando fizer 30, outra crise, ''uma crise do físico''. Aos 26, conta, Xuxa quis fazer plástica porque supunha ter pés-de-galinha. O doutor Ivo Pitanguy tirou-lhe a idéia da cabeça. Marlene procura um Pitanguy urgente para fazer uma plástica nas idéias de sua pupila.

Seu raciocínio tem fundamentos. ''Tenho ou não tenho pés-de-galinha?'', pergunta Xuxa durante a entrevista, mostrando as maçãs do rosto lisas. ''Se eu não tenho, pelo menos quer fazer um ponto nas orelhas, que são de abano'' - e exibe suas orelhas minúsculas.

Marlene joga com isso, procurando adiar a crise. ''Disse a ela que sua imagem pode se manter até que ela complete 30 anos", diz Marlene. ''Depois ela vai ter de repensar a imagem. Provavelmente vai se dedicar aos filhos, à família. Seu trabalho com criança deverá ser de outro tipo''.

Nas crises, no entanto, Xuxa está indo além das aparências. Pelos jornais, declarou-se decepcionada com o país, autodenominou-se ''boba da corte'' em meio a um lodaçal de corrupção, disse que estava com medo e que iria passar mais tempo na Argentina do que no Brasil. Mais: pôs a Globo em pânico ao afirmar que não iria mais gravar o "Xou da Xuxa", deixou as crianças chorando em seu encalço, pedindo que não deixasse o Brasil.

''Tremi na cadeira'', diz Marlene, assustada com as fantásticas repercussões comerciais do episódio. ''Todos pensam que eu mando na Xuxa. Mas não posso decidir por ela. Eu achava que ela não devia ter dito aquilo, mas tudo bem, Xuxa está passando por um momento difícil''.

Tudo começou com a tentativa de seqüestro, que a fez ter medo de sair sozinha incógnita, uma de suas diversões até então. Hoje, cercada de 12 seguranças, ela está morando no seu sítio em Campo Grande, zona rural do Rio de Janeiro, ficando às vezes no apartamento da Lagoa. Sua casa na Barra da Tijuca está em reforma. Está no sítio para evitar a rotina e despistar possíveis seqüestradores.

No sítio, mandou montar um galpão com estantes e paredes de cortiça, onde exibe fotos e cartas de criança. Passa a maior parte do seu curto tempo livre cuidando de bichos ''A Xuxa é sentimental e uma criançola", conta a produtora Marta Azevedo. ''Passa horas colando fotos e tem uma memória incrível. Lembra-se de crianças que foram no seu programa e que lhe deram presentes. Ela me perguntou um dia: 'Será que as crianças imaginam que eu me lembro de todas elas?'''

Enquanto sonha com as criancinhas, deixa de lado a Globo, que sonha com ela. Boni, o vice-presidente de operações da emissora, mandou uma unidade móvel da empresa atrás dela na última semana. E Xuxa, uma questão de milhões de dólares, negou-se a atender a Globo para sonhar em paz.

A empresária Marlene não se cansa de procurar a solução entre negócios e os pequenos sonhos da apresentadora. Num recuo tático, Marlene sugeriu uma proposta intermediária: reduzir o tempo do "xou" de cinco para duas horas diárias. Conseguiu sensibilizar a moça. "Assim posso ter mais tempo para mim mesma", raciocina Xuxa. ''Posso viver o meu momento''.

Em busca de um conselho, escuta tudo que lhe falam. Perde o entusiasmo mudancista: ''Outro dia uma pessoa falou: 'É, você está realmente sem mais o brilho no olhar'. É isso que eu não queria. Ficar seu brilho no olhar. Isso acontece quando você deixa de acreditar em certas coisas. Eu estou descrente em algumas coisas. Não perdi a fé. Hoje até nem tenho esperança de um melhor pelas coisas que eu ouço e vejo''.

Mas retoma a vitalidade, se expõe de novo: ''Apesar de as pessoas pensarem que eu tenho titica na cabeça, eu ainda sei pensar. Eu não sou um personagem. Posso até repetir as palavras de muitas pessoas, mas sei o que quero''.

Sabe o que quer, mas não sabe o que é. Jura que não existe uma personagem Xuxa fora de Xuxa: ''A Xuxa sou eu. Isso não existe. Tanto não existe que eu estou vivendo esta crise. Eu fico sensibilizada, eu fico à flor da pele, me dá vontade de chorar, me dá vontade de gritar''.

O movimento pendular de sua crise se repete. "Não é bom isso, não é bom para a imagem que eu sempre achei que a criança merecia, uma pessoa que levasse ilusão, fantasia, momentos gostosos''. Uma imagem que ela já não tolera fomentar.

A cada movimento do pêndulo mental de Xuxa correspondem outros, mais racionais. Edison Hideo Sawa, 33, proprietário da Tara Brasil, vê seus lucros ameaçados por eles. Fabricante das pranchas de surfe da Xuxa, muda se Xuxa mudar: ''Qualquer alteração da imagem de Xuxa precisa ser discutida. Nosso público alvo é o infantil. Se a imagem dela não tiver nada a ver com o produto, não serve para nada".

Já a Editora Globo, que vende revistas em quadrinhos da Xuxa, aposta na estabilidade da cantora e da venda de dois milhões de revistas por ano. A assessora de imprensa da empresa, Lúcia Machado, acha que Xuxa "está eternizada'' nos quadrinhos e que não faz diferença se ela mudar de imagem. Otimista, diz que os quadrinhos são mais reais que a realidade: ''A Xuxa dos quadrinhos sente dor de dente'', diz.

Vai ser difícil Xuxa passar incólume pelas dores que está sentindo. "Tem um ano que eu falo nisso, que deve haver uma mudança para que eu continue a fazer o programa que eu faço. Que é um estouro de alegria. Quando eu faço um programa, eu não procuro palavras, um jeito de vestir. Os pequenininhos me levam para o alto astral. Só que quando eu saio daquele mundo eu vejo que não é isso. Eu me coloquei num outro mundo e me revoltou tudo aquilo. Entendi as pessoas que sempre me chamaram de alienada. A coisa cada vez está pior. Quem tem, tem mais, quem não tem, tem menos. E eu, boba da corte, vou trazer alegria pra que, para quem e para onde? Tenho vontade proteger as crianças de toda essa sujeira".

Mas essa Xuxa maternal não consegue ter seu filho nem deixar de contabilizar o resultado mais direto de sua situação, a solidão da super-estrela, aquela solidão que sente em meio de três mil crianças que gritam seu nome o tempo todo no Olympia. ''Eu sou uma pessoa sozinha. Eu sempre disse isso. A gente pode ser sozinha no meio da multidão. Vivo com pessoas que gostam de mim, minha mãe e minha governanta. Em muitas ocasiões isso bate aqui dentro. Quando eu paro para definir o que sou, me considero uma pessoa disciplinada e uma pessoa sozinha. Por tudo. Pela minha cabeça, pelo meu pensamento, pelos meus cantinhos onde gosto de ficar''.

Xuxa recupera a calma, mostra uma contabilidade difícil de fechar no zero. Submete os sonhos do filho e do namorado à realidade do trabalho: ''Já pensei em ter filho sozinha. Depois achei que não seria legal porque meu filho tem que ter um pai, já que eu não tive um pai. Eu gostaria que ele tivessem um pai legal. Mas não dá. Se é difícil para uma pessoa normal encontrar alguém, imagina para mim. Não tenho uma vida normal, regrada, como todo mundo. E isso é cada vez mais difícil na minha roda viva de trabalho. A Marlene diz que está reservada em algum canto uma pessoa para mim, mas eu olhado para muitos cantos e não tenho visto nada. Eu estou esperando não pelo príncipe encantado, mas por uma pessoa que tenha seus defeitos, mas me compreenda".

Promete, contudo, ser implacável com o amor que cobiça: ''Ele vai ficar em segundo plano. Porque quando eu tiver meu filho ele vai ser minha vida. Por enquanto, o trabalho é a minha vida". Xuxa, olhos úmidas, não sabe como mudar.
Comentários
5 Comentários

5 comentários:

Vinicius disse...

"Já que eu não tive um pai".. Ainda bem que a Xuxa mudou.. se ela lê isso, deve se achar uma idiota rs.

Vinicius disse...

Mas falando sério rs.. Quem critica tanto a Xuxa, devia ver seu blog, essas matérias.. Xuxa trabalhou tanto, conquistou tudo pelo trabalho, mais da metade da vida dela trabalhando com crianças, e vem pessoas que não sabem nada desmerecendo toda a carreira dela..

José Humberto disse...

Nossa q drama!

Vida Senna disse...

Nossa! Que Forte! Nunca tinha lido isso!!!
Deu até pena... caramba!
Não sabia dessa crise!

Matheus Santos disse...

Materia forte e polemica!
Mostrando o lado pessoal da apresentadora,uma "Intimidade" bem intima.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...