sexta-feira, 25 de junho de 2010

Música: Lua de Cristal


Informações gerais e composição
"Lua de Cristal" é a 6ª faixa do álbum "Xuxa 5", sendo a última do Lado A nas versões em LP e K7. A música é composta pela dupla Michael Sullivan & Paulo Massadas, compositores de várias outras músicas de sucesso. Marlene Mattos, na época, encomendou à dupla uma música que falasse sobre as mensagens de incentivo que Xuxa sempre dizia no "bom dia" do "Xou da Xuxa", para que também servisse de tema do filme que se chamaria "Xuxa e a turma invencível".

Letra
O resultado foi uma letra em que diz que tudo é possível com a força do querer e da fé. "Tudo que tiver de ser será" se tornou uma das frases mais marcantes da música. Sua letra popularizou e polemizou ainda mais a maneira com que Xuxa se refere à Deus, chamando-o de "cara lá de cima". A ponte da música, cantada em coro pelas Paquitas, faz referência à "turma invencível" e reforça o título que o filme teria ao citar "nós somos invencíveis". O refrão é uma reverência à lua e faz analogia dela com uma força maior, ao pedir que se torne uma estrela.

Base instrumental
A base instrumental foi produzida por Ary Spearling, que também faz os arranjos de várias outras músicas de Xuxa e da trilha do filme. Ela é muito forte e emocionante, e se tornou uma das marcas da apresentadora, já que a partir daí a versão instrumental passou a servir de tema para os momentos de emoção dos programas.

Lançamento e Sucesso
A música foi lançada no programa exibido dia 27 de março de 1990, no aniversário de Xuxa. A partir daí, "Lua de Cristal" passou a ser muito trabalhada no programa. Antes de ser lançada a música se tornou um sucesso, ainda mais depois do lançamento do filme. Ela alcançou o 1º lugar nas rádios brasileiras e foi muito executada por mais de um ano.

Regravações
"Lua de Cristal" teve várias regravações. Em 2004, para o especial de dia da criança do "Xuxa no Mundo da Imaginação", em 2005 para o álbum "Xuxa Festa", a qual é cantada em dueto com Sasha. Mais recentemente, a música foi gravada em versão lírica para o especial "Xuxa e as Noviças", de 2008, e disponibilizada no "Clube da Xuxa". Em 2003, foi noticiado que Xuxa e Michael Sullivan regravaram a música em dueto para um álbum solo do cantor. Em 1991, ela ganhou uma versão em espanhol intitulada "Luna de Cristal", bem fiel a versão original.

Coreografias
A coreografia utilizada no filme também foi feita no palco do "Xou da Xuxa", antes da música ser lançada. Com o tempo, a coreografia foi totalmente modificada e foi utilizada até recentemente, quando Xuxa faz performance nos shows do "Xuxa Festa".

Versão instrumental
O instrumental utilizado no filme tem a introdução da música estendida: no início, os teclados não são mixados e depois ela se repete com eles mixados. A versão instrumental original da música sempre foi almejada por muitos fãs por ser muito marcante e sempre tocar nos programas, até mais que na versão com os vocais. Apesar de não ter sido lançada oficialmente, em 2008 ela foi utilizada em um vídeo do site "Clube da Xuxa" na íntegra e em boa qualidade. Alguns fãs extrairam o áudio e jogaram na internet.

Versões
Versão do álbum ~ 4:19Versão da TV (antes do lançamento) ~ aprox. 4:45 (o refrão era repetido mais vezes no final)
Versão em espanhol (Luna de Cristal) ~ 4:23Versão "Xuxa Festa"~ 3:28
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Daniel disse...

a versão com o Michael Sullivan é LINDA!
acho que são 3 repetições da estrofe: uma com xuxa, uma com Michael Sullivan, e uma com os dois.
o coro ainda é das Paquitas 2000.
essa versão tem 4:19
e a base instrumental é completamente diferente de todas as outras versões.

Matheus Santos disse...

Sem duvida
Um icone da Rainha!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...