terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Programa Xuxa Meneghel #66 (Especial Anos 80) - 05/12/2016

Colaboração: Leandro Franco

A 66ª edição do programa Xuxa Meneghel agradou em cheio aos fãs mais saudosistas. Seguindo a proposta de programas temáticos adotada em algumas edições, a atração dessa vez foi toda dedicada à década de ouro da nossa Rainha: os anos 80. A mesma fórmula foi utilizada no TV Xuxa (Rede Globo) quando foram exibidos programas dedicados aos anos 80 e 90. Engana-se quem pensar que a atração da Record foi um "mais do mesmo" exibido pela Globo em 2012. O programa de ontem mostrou que os anos 80 rendem mais do que se pode imaginar...

O momento de "Lua de Cristal": gravado, mas não exibido

Para a chamada da atração, o logotipo do programa foi alterado para um estilo de luzes neon e muita cor, mas infelizmente não foi aproveitado no programa em si, ficando restrito ao comercial que só começou a ser veiculado na programação da Record um dia antes.

Logotipo novo só para o comercial do programa

Apesar das chamadas caprichadas, a divulgação na TV vem deixando a desejar; o que não acontece nas redes sociais.


A cenografia mais uma vez foi impecável! Detalhes fizeram toda a diferença e transformaram o palco "clean" do Xuxa Meneghel numa explosão de cores para oitentista nenhum botar defeito. Estava tudo lá: desde os brinquedos mais famosos - Cai, Não Cai, Genius, Pula Pirata - em réplicas de tamanho gigante à escadaria colorida do Xou da Xuxa...

Pula-Pirata, jogo dos anos 80 que agrada até hoje

Sem esquecer dos jogos Atari (PacMan) e, claro, a Nave Xuxa, na versão rosa, que marcou presença através de uma projeção animada durante todo o programa. No chão, o famoso beijinho  autografado de Xuxa, que é tão famoso quanto à clássica pose da capa do disco Xou da Xuxa (Som Livre, 1986).

Beijinho, beijinho...

O programa foi, literalmente, um "xou" do começo ao fim. Sem matérias externas, Xuxa começou o programa, no mezanino, ao som da Banda Yahoo, que fez um medley de vários hits da Rainha.  O medley já é característico dos shows que a banda faz pelo Brasil afora. Infelizmente foram cortados, na edição final, a parte de Tindolelê e Lua de Cristal que são tocadas entre Ilariê e Doce Mel. Pra não dizer que ninguém viu, No resumo que é exibido no início da atração aparece um trechinho de Lua de Cristal... só pra deixar o povo com vontade.


Além da Banda Yahoo, outras atrações referência da década marcaram presença; algumas muito frequentes no palco do "Xou" (Patricia Marx e Luciano Nassin, representando o Trem da Alegria, e Sarajane, além da Banda Yahoo) e outras nem tanto (Blitz e Rita Cadillac - a ex-chacrete fez sua primeira participação num programa de Xuxa).



"Era uma vez um príncipe, uma princesa e uma Rainha..." - versão 2016

É bom para o moral, é bom para o moral...

Abre a rodinha, por favor, abre a rodinha...

Se o Xou da Xuxa era a referência de programas infantis, o Cassino do Chacrinha era a referência dos programas de auditório e isso não passou em branco. O programa homenageou o apresentador Chacrinha numa caracterização de Nany People, que, como o Velho Guerreiro distribuiu bacalhau (de verdade!) e abacaxis (de plástico) para a plateia. Nany também apresentou o concurso de calouros, que foi gravado a parte e acabou não sendo exibido.

Alô, alô, Teresinhaaaa!!! Ou seria Xuxinhaaaa?

Outra parte não exibida foi o dueto de Xuxa e Evandro Mesquita na música Garoto Problema, que integra o 1º álbum Xou da Xuxa. Curiosamente, utilizaram a 1ª versão da música, que saiu apenas na primeira tiragem do LP. Ô R7, libera o vídeo pra gente, vai?

Ele era um garoto só, mas não tinha pinta de bocó...

Inspiradíssima, nossa Rainha estava com uma animação contagiante, o que nos fez esquecer um pouco dos momentos de tensão com a aeronave que a levava para Teresina, na tarde de ontem, para a inauguração de mais uma Casa X. Durante todo o programa Xuxa brincou com sua risadinha que já se tornou um bordão após um vídeo viral no ano passado: ham ham hamham!

E ainda teve Paquitas, Dengue e Praga... mataram as saudades?

Outro ponto que surpreendeu foi a quantidade de merchandising: tivemos três - M&Ms, Raid Protector e Shoppings Sonae Sierra Brasil. Destaque para esse último que mostrou a bela campanha de Natal que tem como tema a música "Milagre da Vida". E os Shoppings Sonae Sierra ainda colocaram Sérgio Mallandro na carona do merchan. O humorista deu as caras nesse momento e acabou ficando até o fim da atração.

E não é que o Mallandro sabia até em qual disco foi lançada "Milagre da Vida"?

Em meio aos musicais, todos os convidados brincaram nas réplicas gigantes dos brinquedos. Curiosidade: na hora do Pula-Pirata, Mallandro fez tanta hora com a tal espadinha que acabou perdendo a brincadeira e teve que pagar uma "prenda". Xuxa determinou que ele devia dançar uma música dos anos 80 e Patrícia começou a cantar Sonho de Amor, só que a canção saiu em 1990. Ops!

Quando os dedos tocarem lá no... Genius

A parte mais aguardada ficou pro final e não aconteceu no palco. Lembram quando Xuxa entrevistou ela mesma no especial de 20 anos? A ideia foi melhorada e dessa vez a Xuxa do presente se encontrou com a Xuxa dos anos 80. Na verdade, não foi uma entrevista e sim um diálogo com muitas revelações para a Xuxa das antigas, que ficou impressionada com o corte de cabelo, o figurino e a maturidade da Xuxa atual. A loira mais uma vez mostrou que sabe rir de si mesma e mencionou acontecimentos que até hoje ainda rendem mimimi por parte de críticos e até mesmo "fãs", como os duendes, os terninhos, o cabelo e a troca de emissora.

Ham Ham Haaamm, você vai trocar de canal, tá?

A gravação aconteceu na semana passada com a ajuda de uma sósia da Xuxa, a Cintia Lopes, que vem se destacando por lembrar muito nossa Rainha.

Xuxa e Xintia: xó na xemelhança...

O programa pra fã nenhum botar defeito acabou não atingindo a audiência que todos esperavam. As últimas edições, que não tiveram apelo nenhum ao passado, registraram índices melhores. Um forte indício de que os "fãs" que reivindicam a todo custo o resgate ao passado como a solução para os problemas de aceitação e audiência do programa não estejam tão certos como se dizem.

Xuxa Meneghel Anos 80: na memória e no coração!

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...