quinta-feira, 16 de março de 2017

Viva Xuxa, Viva Schin: a saga das latinhas

Por: Leandro Franco

Fala a verdade: você já se pegou olhando se existia seu nome na latinha de refrigerante, lá na prateleira do supermercado, não é mesmo? Procurar todo mundo procurou, mas encontrar... bom, aí a história é outra.
Imaginem que legal, para gente que gosta da Xuxa, achar a latinha com a inscrição “Quanto mais XUXA melhor...” Sim, nós também procuramos o nome dela, vai que...


Essa história de nome nas latinhas existe aqui no Brasil desde julho de 2012, mas foi em outubro de 2015 que a esperança de achar a latinha da Xuxa veio com força total.


Toc Toc
Xuxa estreou na RecordTV em agosto de 2015 e o programa contava com o patrocínio da Brasil Kirin, que também “estreava” novos produtos no mercado: os refrigerantes Viva Schin (antes da repaginada chamavam-se Schin Refri). 

Merchandising do refrigerante durante o "Xuxa Meneghel", na RecordTV

O refrigerante se tornou o principal patrocinador do quadro Toc Toc, que consistia numa visita surpresa de Xuxa a alguma pessoa que se encaixasse no slogan “Viva Junto, Viva Schin”.

Em contrapartida, o refrigerante também divulgava o quadro em suas redes sociais


A ideia era trazer Xuxa para junto das pessoas.

Quem não queria receber Xuxa em casa?

Os refrigerantes também patrocinavam o quadro Xelfie, em que Xuxa sorteava algumas pessoas da plateia para fazer uma selfie na cabine fotográfica da Schin.

Xelfie com o mozão...


... e com o povão!


 Embaixadora
Satisfeita com o retorno que Xuxa poderia dar à empresa, a Brasil Kirin foi mais longe do que apenas comprar uma das cotas de patrocínio do programa: transformou Xuxa em sua embaixadora oficial, no final de setembro/2015.

Os gerentes da Brasil Kirin com a Embaixadora Xuxa 

Bruno Piccirello, gerente de marketing de Viva Schin, destacou a importância da parceria de Viva Schin e Xuxa.
"Para passar todas essas novidades para nosso público, nada melhor do que trazer uma grande estrela como a Xuxa. Estamos muito felizes em ter o endosso dela neste momento tão importante”.

E Xuxa, claro, endossou: "A marca está completamente alinhada com essa minha nova fase.  Tem a ver com momentos de diversão e alegria e tem a ver com família, com estar junto. A parceria é muito verdadeira vai ser ótima”


Arte feita pela Viva Schin no final de 2015 e divulgada nas redes sociais da empresa


Os agrados à Embaixadora
Pouco depois de anunciar Xuxa como sua embaixadora, a Viva Schin presenteou a loira com alguns “mimos” que deram o pontapé inicial na história “Xuxa nas latinhas”.
A Brasil Kirin foi muito mais além do que colocar o nome de Xuxa numa de suas latinhas e apesar de ser uma campanha do concorrente, ela foi a que mais levou a sério os dizeres “quanto mais XUXA melhor” e providenciou, logo de cara, TRÊS latinhas com o nome e a imagem da apresentadora: Cola, Guaraná e Laranja.

As latinhas exclusivas feitas pelo artista plástico Lobo

Para criar a arte das latinhas, a empresa chamou o artista plástico Lobo, considerado uma referência em Pop Art no Brasil e no mundo. Lobo criou duas imagens da apresentadora que serviram de base para as três latinhas.
Não satisfeita, a Brasil Kirin ainda encomendou um refrigerador estilizado com a mesma artes das latinhas. Pra quem não tinha o nome, passou a ter nome, imagem e arte exclusiva. Coisas de Rainha!

O refrigerador vintage também foi customizado com a imagem da Rainha 


Para a criação das artes, Lobo se valeu de duas imagens clássicas da apresentadora: a bela foto de perfil divulgada pela Contigo! em matéria de novembro de 2014 e uma foto tirada durante a coletiva  do show Natal Mágico, em 13/12/2014, em São Paulo.

As fotos que inspiraram a arte de Lobo

A Coleção de Latinhas

Depois que Xuxa ostentou suas latinhas exclusivas, começaram as perguntas sobre quando a Viva Schin iria liberá-las para comercialização. Demorou um pouco, mas a empresa decidiu atender ao desejo dos fãs. Somente em julho de 2016 – cerca de 8 meses após Xuxa mostrar seus presentes – a Viva Schin começou a comercializar latinhas em homenagem à loira: a coleção Viva Xuxa, Viva Schin.



Inicialmente a coleção contaria com cinco latinhas. Lobo continuou sendo o responsável pelas artes. Pouco tempo depois (um mês), diante da boa aceitação, a Brasil Kirin divulgou uma imagem com OITO modelos diferentes. Estava aberta a temporada de caça às latinhas.

Nem Pokemón foi tão difícil de capturar, viu, Brasil Kirin?


As fotos que inspiraram as artes foram feitas entre 2006 e 2012. O fotógrafo responsável por quase todas é o Bladinho Meneghel, sobrinho de Xuxa. Vamos conhecer um pouco mais de cada modelo:

#1 – Xou
Comercialização: a partir de 01/07/2016
Curiosidades: o nome sofreu algumas alterações até chegar às prateleiras das lojas. Incialmente, se chamaria “Lady X” – conforme release distribuído à imprensa –, mas numa das fotos de divulgação ela chegou a aparecer com o nome de “Xuxa Poderosa”. 

"Xuxa Poderosa" virou "Lady X", que virou "Xou"

As fotos que inspiraram a arte são do ano de 2007 (frente) e 2008 (verso). A primeira aparecia como background do Xuxa.com e a segunda foi feita por Felipe Gois. A Viva Schin utilizou essa segunda para divulgar uma transmissão ao vivo pelo Facebook, onde Xuxa responderia perguntas dos fãs.




#2 – Rainha
Comercialização: a partir de agosto/2016
Curiosidades: a foto da frente é de 2008 e foi publicada em página inteira no Jornal Extra em 06/04/2008, quando o jornal fez uma matéria comemorativa sobre os 10 anos da primeira capa de Xuxa para a revista Canal Extra (suplemento dominical do jornal). Já a foto de trás é a mesma foto que Xuxa usa como sua foto de perfil no Instagram.





#3 – Beijinho Beijinho
Comercialização: a partir de agosto/2016
Curiosidades: A foto de trás da latinha é a mesma foto que foi utilizada como capa do CD “Seleção dos Fãs”, que veio no Box Xou da Xuxa, lançado em 2012 pela Som livre. Já a foto da frente é mais uma dos planos de fundo do Xuxa.com em 2007/2008



#4 – Loira
Comercialização: a partir de setembro/2016
Curiosidades:  A foto da frente foi utilizada como plano de fundo do Xuxa.com; já a foto de trás é parte do ensaio que foi publicado na revista Vulque, em dezembro/2015.




#5 – Lady X
Comercialização: a partir de dezembro/2016
Curiosidades: A foto principal foi utilizada em um wallpaper do Xuxa.com em 2011. Já a foto da parte de trás é a mesma usada para a latinha #3. Por que repetir? Foto da Xuxa é o que não falta... A arte é diferente, mas a foto-inspiração é a MESMA.



#6 – Menega
Comercialização: a partir de dezembro/2016
Curiosidades: A foto da frente foi utilizada na capa da revista Expressão nº 100 (março/2012), já a foto de trás é novamente a foto utilizada no CD “Seleção dos Fãs” e, mais uma vez, pequenas alterações nos grafismos a diferem da anteriormente lançada (Latinha #3)



#7 – Xu
Comercialização: a partir de janeiro/2017
Curiosidades: se a latinha #1 teve seu nome alterado antes da comercialização, a #7 teve toda sua arte alterada. A primeira versão da latinha era inspirada em uma foto totalmente diferente da que foi escolhida para chegar às lojas. 



A foto principal final foi uma das fotos de perfil da Xuxa no Facebook e também capa da revista Chat n.2, em 2012. Já para a arte da parte de trás, não conseguimos identificar a foto inspiração, embora acreditemos que se já do mesmo ensaio que resultou nas artes da latinha #1 (parte de trás) e #6 (frente).




#8 – Querer, Poder, Conseguir
Comercialização: a partir de fevereiro/2017

Curiosidades: A foto da frente também foi uma das utilizadas nos planos de fundo do Xuxa.com entre 2007/2008. Já a foto de trás foi a capa da já comentada revista Vulque (dez/2015).





Pois bem, a última latinha teve o nome de Querer, Poder, Conseguir... Tudo a ver com o que Xuxa sempre falou, mas um tanto distante da realidade quando pensamos na distribuição dessas latinhas Brasil afora. Todo mundo queria, todo mundo podia comprar (afinal é o preço de um refrigerante), mas conseguir que é bom mesmo, poucos conseguiram.

A Viva Schin até se esforçou e a distribuição das latinhas realmente aumentou do meio pro fim, mas mesmo assim inúmeras localidades não viram um modelo sequer. Perderam a chance de já vender um pack com as 8 e a sacola promocional; daria mais certo e iria satisfazer os fãs colecionadores.

Aí, Viva Schin... Ainda está em tempo, fica a dica!


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...